O Povo News

Homem cai no ‘golpe do amor’ e acaba assassinado em Arraial d’Ajuda; dois envolvidos estão presos

Funcionário público de 47 anos viajou de Campinas para Porto Seguro a fim de encontrar suposta mulher que conheceu por rede social; vítima foi morta no mesmo dia em que chegou.

Dois homens, de 19 e 20 anos, foram presos na manhã desta sexta-feira (9), suspeitos de envolvimento no desaparecimento de Erivaldo Alves dos Santos, de 47 anos, em Porto Seguro. Ambos foram detidos durante abordagem a um automóvel na rodovia BR-101, próximo ao distrito de Monte Pascoal, no município de Itabela.

A prisão foi feita por policiais civis de Eunápolis e de Trancoso, além de policiais rodoviários federais.

Mateus da Silva Borges, de 20 anos, confessou à polícia ter matado a vítima e indicou o local onde enterrou o corpo.

GOLPE DO AMOR – Erivaldo viajou de Campinas (SP), onde trabalhava como funcionário público de uma empresa de saneamento básico, para o distrito de Arraial d’Ajuda, a fim de se encontrar com uma suposta mulher que conheceu pelas redes sociais. Ele estava desaparecido desde sexta-feira (2), mesmo dia em que chegou em Porto Seguro.

De acordo com o coordenador da 23ª Coorpin/Eunápolis, delegado Moisés Damasceno, durante as investigações, a polícia descobriu que a linha telefônica de Erivaldo havia sido desabilitada e no aparelho celular dele já funcionava outra linha.

Além disso, todo o valor existente na conta bancária da vítima havia sido subtraído no mesmo dia de sua chegada a Arraial d’Ajuda, mediante transações de Pix. Também foi constatado que a conta da rede social usada pela suposta mulher para atrair a vítima era falsa.

A partir das investigações, policiais identificaram a participação de duas pessoas no crime: o homem que se passou pela suposta mulher e atraiu o funcionário público até Arraial d’Ajuda, e outro que recebeu o Pix enviado pela vítima.

CONFISSÃO – Os mandados de prisão temporária foram expedidos pela 2ª Vara Criminal de Porto Seguro, após parecer do Ministério Público Estadual da Comarca. No momento da prisão, Mateus estava com o aparelho celular da vítima.

Ele confessou ter matado Erivaldo na sexta-feira passada, após ter efetuado as transações bancárias, e enterrado o corpo em área de vegetação que fica na estrada que liga Arraial a Trancoso.

Segundo o delegado Moisés Damasceno, o crime foi planejado por Mateus, que criou a conta fake e se passou pela suposta mulher. O autor confesso disse à polícia que cavou a cova dois dias antes da chegada da vítima à cidade. “Quando Erivaldo chegou em Porto Seguro, o autor do crime mandou mensagem, se passando pela suposta mulher, dizendo que um primo iria se encontrar com ele e o levaria para o sítio onde ela estaria esperando por ele. Ao chegar ao local, se tratava de uma emboscada e a vítima foi obrigada a realizar as transações bancárias através do pix. Depois, foi assassinada e enterrada na cova rasa”, explicou o delegado. O funcionário público deixa um casal de filhos menores de idade.

As investigações continuam para verificar se há outros envolvidos no crime.

FORAGIDO PRESO – Cinco pessoas estavam no veículo abordado pela polícia na BR-101. O veículo havia saído de Ribeirão das Neves (MG) com destino a Itabela. Além dos jovens, de 19 e 20 anos, também foi preso Dhonis dos Santos Silva, de 22 anos, que tinha mandado de prisão temporária, expedido pela Comarca de Itabela pelo crime de homicídio.

Fonte: Radarnews

Compartilhe nas redes sociais:

Leia mais

juscelino-filho-uniao-brasil-ma_1_82974
prf-monitora-as-rodovias-federais-1789180-article
aa7da61b146be195665538d8fb64aed8
Capturar
BMC-HOJE-23-1140x597-1-750x375
IMG-20240617-WA0177
Imagem do WhatsApp de 2024-06-16 à(s) 11.07
desertificacao-1
Sessão para eleição dos membros da mesa diretora da Câmara dos Deputados
Plataforma-P-55-da-Petrobras-no-Campo-de-Roncador-Foto-Divulgacao
cerveja-bebida-alcool
Imagem do WhatsApp de 2024-06-13 à(s) 11.07