O Povo News

"Dia Mundial da Paz" 01 de janeiro

“O Dia Mundial da Paz é uma data comemorativa estabelecida pela Igreja Católica e celebrada anualmente no primeiro dia do ano, 1º de janeiro. Como o próprio nome sugere, o Dia Mundial da Paz tem como propósito promover a paz. A data comemorativa é marcada por um discurso realizado pelo papa no Vaticano.

Para a Igreja Católica, a celebração é considerada parte do período natalino, pois se realiza durante a Solenidade de Maria, mãe de Deus. Apesar da criação católica, o intuito do dia é que a paz seja celebrada e promovida por todos os povos, independentemente de sua religião. De toda forma, a celebração ainda tem uma forte ligação com o catolicismo.

Mesmo a Organização das Nações Unidas celebra o Dia Internacional da Paz, comemorado em outra data, 21 de setembro. Vale mencionar que o 1º de janeiro também é separado para o Dia da Confraternização Universal, que procura passar a mesma mensagem: a da promoção da paz no mundo. Essa data comemorativa é, inclusive, feriado nacional no Brasil.

O principal momento da celebração do Dia Mundial da Paz é o discurso que o pontífice realiza. Os discursos, naturalmente, giram em torno da promoção da paz, e, desde de que a data foi criada, os papas Paulo VI, João Paulo II, Bento XVI e Francisco I foram aqueles que discursaram. No ano de 2023, o discurso foi feito por Francisco I, tendo como tema “Ninguém pode se salvar sozinho: juntos, recomecemos a partir da covid-19 para traçar sendas de paz”.”

“A celebração do Dia Mundial da Paz foi iniciada na década de 1960, sendo originalmente proposta pelo pontífice Paulo VI, em 1967. Com a aprovação da ideia, sua primeira celebração se deu em 1º de janeiro de 1968. Na ocasião, o papa discursou acerca da importância da celebração da data nos anos seguintes e da construção da paz entre a humanidade.

O papa ainda pontuou que a celebração, embora seja uma criação católica, defende um objetivo que é interesse de todos os povos do planeta: a paz. Sendo assim, a promoção desse dia não deve ser apenas um feito católico, mas de todos, não importando sua religião. Vale considerar que a defesa da paz na década de 1960 levava em consideração a polarização do planeta entre soviéticos e norte-americanos e as suas consequências mundiais.

A ideia do Dia Mundial da Paz não era apenas promover a paz entre os povos, no sentido de acabar com as guerras no planeta, estava também no sentido de construir a paz entre os indivíduos. Esse dia, portanto, foi criado para construir uma relação de paz entre as pessoas, entre os indivíduos e o Estado, entre os próprios Estados, e entre os Estados e a comunidade global, isto é, a humanidade.

Ademais, é importante pensarmos que o Dia Mundial da Paz é também um momento de defender a promoção de condições mínimas de dignidade para a humanidade, uma vez que isso é uma condição para o estabelecimento da paz. Nesse sentido, a data ressalta a importância de garantir a defesa dos Direitos Humanos como caminho para um mundo pacífico.”

“O Dia Mundial da Paz tem como objetivo a promoção da paz entre os indivíduos e entre os Estados. Além disso, propaga a ideia de criação de condições que permitam que a humanidade possa viver de maneira harmoniosa e digna, com o respeito aos Direitos Humanos.

O propósito dessa celebração é propiciar a criação de uma cultura que permita com que os indivíduos sejam portadores e defensores da paz. Ela serve como porta-voz para indivíduos, movimentos sociais, instituições religiosas, organizações internacionais e outros que estejam interessados em promover a paz no mundo.”

Compartilhe nas redes sociais:

Leia mais

lula-e-lira
1_g20-35126769
bolsonaro-1
Deam Porto Seguro
IMAGEM_NOTICIA_1
nova-carteira-de-identidade-20191014-1133710293
doleira_nelma_kodama
Cristiano-Zanin-
DHFSHDSH
20240220_091958
Site-Sebrae-Redesoft
csm_crianca_desaparecida_pixabay_8a9c0285ea