O Povo News

Dia do Fuzileiro Naval 7 de março

A criação desta data é uma homenagem à chegada da Brigada Real da Marinha Portuguesa (que deu origem ao Corpo dos Fuzileiros Navais do Brasil) em terras brasileiras, precisamente no Rio de Janeiro, em 7 de março de 1808.

A Brigada Real da Marinha acompanhou a Família Real Portuguesa quando esta migrava para o Brasil para se proteger das ameaças de invasão de Napoleão Bonaparte.

Os fuzileiros navais são militares. O termo “fuzileiro” é uma referência ao fuzil, espingarda usada pelos soldados, que por esse motivo passaram a ser chamados de fuzileiros.

O Corpo dos Fuzileiros Navais, parte integrante da Marinha do Brasil, é responsável pela segurança do país de ameaças vindas do mar.

No entanto, estes grupos de militares também são treinados para combaterem em terra, sendo apelidados de “anfíbios”, por estarem aptos a se adaptar às condições de ambos os ambientes (terra e água).

Desde o ano de 1958. O termo é usado para demonstrar que os fuzileiros navais estão sempre de prontidão para atender um chamado necessário ou para atuar com presteza em uma tarefa pelo bem do país. Adsumus é uma palavra com origem no latim que significa “estamos presentes”, que vem do verbo adsum que quer dizer estar presente, estar aqui ou estamos juntos.

Corajosos guerreiros, que protegem nossas fronteiras marítimas com atenção e paixão pela nossa querida Pátria! Valiosos heróis que nos guardam e nos defendem dos perigos.

Compartilhe nas redes sociais:

Leia mais

lula-e-lira
1_g20-35126769
bolsonaro-1
Deam Porto Seguro
IMAGEM_NOTICIA_1
nova-carteira-de-identidade-20191014-1133710293
doleira_nelma_kodama
Cristiano-Zanin-
DHFSHDSH
20240220_091958
Site-Sebrae-Redesoft
csm_crianca_desaparecida_pixabay_8a9c0285ea