O Povo News

Baleia em estado de decomposição é encontrada na orla norte de Porto Seguro

Opovonews – Fotos: Tarcizo Vieira

baleia encalhada 1

Nem bem começou a temporada reprodutiva de baleias jubarte no litoral brasileiro, que se estende de julho a novembro, já são registrados encalhes de animais na orla baiana. Na tarde desta segunda-feira, 21 de julho, um mau cheiro proveniente do trecho próximo ao Memorial do Descobrimento, na orla norte de Porto Seguro, chamou a atenção de moradores. De acordo com o radialista Tarcizo Vieira, do programa 88 Notícias, na rádio Porto Brasil FM,  que esteve no local fazendo a reportagem, a carcaça da baleia estava em avançado estado de decomposição. O animal estava na foz do Rio Buranhém e aparentava ser um filhote.

A Secretaria de Meio Ambiente informou que já tinha conhecimento do fato e que os restos do animal seriam enterrados nesta terça-feira, 22, no próprio local de encalhe.

Em 2011 houve outro encalhe na orla de Porto Seguro. O exemplar de jubarte foi encontrado morto nos arrecifes em frente à Passarela do Álcool e levado para o trecho próximo à atual barraca Barra Point, onde passou por exames feitos por biólogos do Instituto Baleia Jubarte e depois foi enterrado ali mesmo.

Temporada

Anualmente, aproximadamente 9 mil baleias jubarte deixam a fria Antártida e se deslocam, de julho a novembro, para as águas tropicais do litoral brasileiro com o objetivo de se reproduzir. O maior berço reprodutivo fica em Abrolhos, região costeira do sul da Bahia.

Neste período é comum o encalhe de jubartes em várias partes da costa brasileira, sendo a Bahia e o Espírito Santo os locais onde há maior ocorrência – justamente por serem as regiões onde a espécie se concentra.

baleia encalhada

 

Compartilhe nas redes sociais:

Leia mais

o-que-e-reciclagem_7
IMG_20240516_154104
20240516_195847
766448d2-a427-4341-b770-adb1ba4f2b27
Coleta de lixo e Garis
Dengue-no-Brasil-1
Imagem do WhatsApp de 2024-05-15 à(s) 16.04
Jean-Paul2-930x524-1
images-4 (1)
milei
tremores
Imagem do WhatsApp de 2024-05-14 à(s) 19.14