O Povo News

Mestre Bimba capoeirista baiano

Manoel dos Reis Machado, também conhecido como Mestre Bimba nasceu em Salvador, 23 de novembro de 1899. Faleceu em Goiânia, 5 de fevereiro de 1974. Foi criador da Luta Regional Baiana, mais tarde chamada de capoeira regional.

Trabalhou como minerador de carvão antes de criar a capoeira regional.

Ao perceber que a capoeira estava perdendo seu valor cultural e enfraquecendo enquanto luta, Mestre Bimba misturou elementos da Capoeira Tradicional com o batuque (luta do Nordeste Brasileiro extinta com o passar do tempo) criando assim um novo estilo de luta com praticidade na vida, com movimentos mais rápidos e acompanhada de música.

Assim conquistou todas as classes da sociedade. Foi um excelente lutador e acima de tudo um grande educador, foi o responsável por tirar a capoeira da marginalidade.

Praticantes dessa arte se denominam “capoeiristas”, pois, para eles, a capoeira é um estilo de vida – ser, pensar, agir como a arte da capoeira.

Bimba impunha regras para os praticantes da capoeira regional, sendo elas:

  • Não beber, e não fumar. Pois os mesmos alteravam o desempenho e a consciência da capoeira;
  • Evitar demonstrações de todas as técnicas, pois a surpresa é a principal arma dessa arte;
  • Praticar os fundamentos todos os dias;
  • Não dispersar durante as aulas;
  • Manter o corpo relaxado e o mais próximo do seu adversário possível, pois dessa forma a capoeira desenvolveria mais.

Compartilhe nas redes sociais:

Leia mais

1_celia_e_sonia-35216099
mendonca
Lula-PPA-19-04-23-848x477
LPG_Bahia_27-09-23
images
lula-960x640
maxresdefault
84875474-e422-45a1-b240-8b5a15bcba55_971x666
Dengue-750x400
shutterstock_2188298169
170871393565d8e7cf60994_1708713935_1x1_md
exercito-3