Homem que matou mulher, e abandonou o corpo na pista é preso após tentar vender celular da vítima em bar

 

Jhonleno Santos de Brito, de 27 anos, teve prisão preventiva cumprida nesta terça-feira (6), após matar uma mulher e tentar vender o celular da vítima na cidade Eunápolis.

Jeane Amaral Goveia, de 20 anos, foi morta a pauladas e pedradas, no dia 21 de janeiro. O corpo dela foi encontrado sem roupas, em uma pista de motocross abandonada, às margens das BR-367 e BR-101.

Segundo informações da polícia, Jeane foi vista pela última vez no dia 19 de janeiro, próximo a um bar, onde consumia drogas com o suspeito preso.

Depois de matar Jeane, Jhonleno abandonou corpo dela na pista de motocross, e voltou para o bar para tentar vender o celular dela.

Ele foi encaminhado para o sistema prisional, e é investigado por outros homicídios também na cidade de Eunápolis.

 

Monique Evellin/Opovonews

Compartilhe:

Deixe seu comentário


Veja mais


O POVO NEWS

Fale com a gente